1- PROVOCA SENSIBILIDADE DENTÁRIA

Praticar o exagero não faz bem, principalmente quando falamos de higiene bucal. Nessa hora o importante é manter o equilíbrio para não fazer uma escovação muito forçada. Pôr intensidade neste hábito, constantemente, só ajuda a corroer o esmalte dentário, deixando toda a dentina exposta. Aí você já sabe, né? Qualquer alimento e bebida muito quentes ou gelados podem causar os choque da sensibilidade dentária. Mude de atitude e traga leveza para esse momento.

2- PODE IRRITAR A GENGIVA

Uma gengiva saudável precisa ter aparência clarinha e textura lisa. Quando aplicamos muita força na escovação, esse tecido tende a ficar vermelho, dolorido e com algumas feridas. Fica ruim até mesmo para escovar os dentes outras vezes. Para ajudar a romper esse hábito agressivo, o que acha de adquirir uma escova de dente elétrica? Muitas têm a função de controlar a força durante a higiene e ainda possuem cerdas macias e arredondadas, proporcionando uma massagem para seus dentes e gengiva.

3- MACHUCA A BOCHECHA E OS LÁBIOS

A pressa é inimiga de uma boa escovação. Quando estamos sem tempo e fazemos muita força na higiene, esse ritual pode deixar muitas marcas na sua boca. Você perde o controle dos movimentos e a cabeça da escova acaba machucando, além da gengiva, seus lábios e bochechas. Depois, fica aquele desconforto até mesmo para falar. Ninguém merece passar por isso, não é mesmo? Transforme esse hábito em um momento tranquilo do seu dia e sem afobação.

4- CAUSA RETRAÇÃO GENGIVAL

Perceber que um dente seu está maior do que os outros é um sinal de retração gengival. Esse problema é causado por muitos fatores, como a periodontite, mas uma escovação forte também acaba retraindo a gengiva. A partir daí, outras complicações surgem, como a sensibilidade dentária, o mau hálito e muita dor na região. É possível impedir todos esses incômodos fazendo uma higiene bucal leve. Não é a força que faz deste ritual eficiente, mas, sim, o tempo e os movimentos realizados. O que acha de iniciar esses hábitos a partir de agora?