Dentistas 24 horas

pesquisa afirma que aleitamento pode proteger crianças contra más oclusões

Um estudo realizado pela Universidade de Adelaide, na Austrália, forneceu novas evidências de que a amamentação pode proteger crianças contra más oclusões. A pesquisa considerou a amamentação e dados ortodônticos de 1.303 crianças com cinco anos de idade, para avaliar se a amamentação oferece um efeito protetor contra a má oclusão na dentição primária.

Os pesquisadores concluíram que a amamentação foi associada predominantemente com uma menor prevalência de mordida aberta – má oclusão de moderada a grave. Crianças que foram amamentadas exclusivamente no peito entre 3 a 6 meses de idade tinham uma prevalência 33% menor de mordida aberta, em comparação a crianças que nunca foram amamentadas.

Os pesquisadores concluíram que promover o aleitamento materno exclusivo até os seis meses de idade, é uma estratégia eficaz para evitar a má oclusão.

A organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda amamentação exclusiva das crianças até seis meses de idade. Atualmente, em todo o mundo, apenas 38% das crianças são amamentadas exclusivamente até a idade recomendada. A OMS tem como objetivo aumentar a taxa de aleitamento materno exclusivo nos primeiros seis meses de vida da criança em 50% até 2025.

Comemorado no dia 1° de agosto o Dia Mundial da Amamentação, foi criado em 1992 pela Aliança Mundial de Ação pró-amamentação (World Alliance for Breastfeeding Action – WABA) com a finalidade de promover o aleitamento materno e a criação de bancos de leite, garantindo, assim, melhor qualidade de vida para crianças em todo o mundo. A data é comemorada dentro da Semana Mundial de Aleitamento Materno, que ocorre em 120 países anualmente entre os dias 1º e 07 de agosto.

Fonte: Dental Press

Compartilhar

(31) 3657-0600  /  3586-0900